James Stuart Blackton e Albert E. Smith: pioneiros da animação

James Stuart Blackton e Albert E. Smith, fundadores da Vitagraph Studios

Injustiçados historicamente por muito tempo, James Stuart Blackton e Albert E. Smith foram os pioneiros na animação, pioneiros no stop motion e em diversas outras técnicas de animação conhecidas, mas até pouco tempo, muitos pesquisadores creditavam apenas outros criadores para cada uma dessas técnicas.

Por exemplo, muitas fontes nos Estados Unidos, Inglaterra e França ainda apontam Fantasmagorie (1908), de Émile Courtet (ou Émile Cohl), como a primeira animação produzida em película. No entanto, Stuart já havia produzido e exibido em público, seu curta Humorous phases of funny faces, um curta animado de três minutos de duração, que estreou em 7 de abril de 1906. Stuart utilizou um recurso que ficou conhecido como “virada de manivela” ou “movimento americano”, criado pelo estúdio Vitagraph Company, que Stuart fundou em 1896 juntamente com Albert E. Smith (em 1926 sua companhia seria absorvida pela Warner Bros).

Na animação Humorous phases of funny faces, vemos a mão de um desenhista (aparentemente o próprio Stuart) desenhando com giz sobre um quadro negro. Inicialmente aparenta ser apenas um filme comum em película mostrando o artista criando os desenhos, mas em seguida os desenhos começam a ser mostrados sem a mão do criador e em movimentos contínuos. Primeiro aparecem os rostos de um casal. Eles começam um flerte e a sequência dá a entender que se casam e começam a envelhecer juntos, até que o homem dá uma baforada na cara da mulher e ela desaparece em meio a fumaça. Em seguida volta a mão do desenhista e apaga o desenho. Depois aparece um senhor brincando com seu guarda-chuva, uma sequência muito bem produzida. Em seguida um casal deformado surge de um nevoeiro. Na verdade, uma sequência invertida, onde o desenho vai se desfazendo aos poucos, como se filmado ao contrário. No final, um palhaço, acompanhado por um cachorrinho, faz malabarismos com um aro e um bastão.

A versão que você pode assistir aqui, tem no final outro curta produzido por Blackton, no qual ele aparece desenhando também em uma superfície branca.

Outro exemplo de injustiça cometida… Arthur Melbourne-Cooper é considerado o pioneiro na arte do stop motion, pelo filme The Humpty Dumpty circus, de 1914. No entanto, Stuart e Smith já haviam produzido um curta utilizando essa técnica, e com praticamente o mesmo nome: Humpty Dumpty circus, em 1898. Tudo bem que Melbourne-Cooper produziu mais de 300 filmes em sua carreira, o que o coloca como um dos nomes mais importantes no meio, mas não se pode deixar de creditar os verdadeiros pioneiros. A verdade é que surgiram vários nomes que, cada um a seu modo, contribuíram para que a indústria dos desenhos animados se desenvolvesse, conquistando cada vez mais uma importante fatia do mercado cinematográfico e, posteriormente, da televisão.

 

James Stuart Blackton

Nasceu em 5 de janeiro de 1875, em Sheffield, Yorkshire, na Inglaterra. Mudou-se para os Estados Unidos em 1885, com 10 anos. Em 1894 fundou a Vitagraph Studios em sociedade com Albert E. Smith. Dirigiu 188 produções; como ator participou de 20 curtas; foi produtor, animador, roteirista e editor. Morreu em 13 de agosto de 1941 em Hollywood, Califórnia.

 

Albert Edward Smith

Nasceu em 4 de junho de 1875, em Faversham, Kent, Inglaterra. Também migrou para os Estados Unidos ainda criança. Trabalhava como cartunista quando conheceu Stuart. Morreu em 1 de agosto de 1958 em Los Angeles, California, Estados Unidos.

 


QUER AJUDAR O CANAL CHUVISCO?

Comprando qualquer produto com esse link, você está ajudando o CANAL CHUVISCO a se manter. Com as comissões recebidas, podemos dedicar mais tempo para as pesquisas e postagens. É só clicar, fazer sua busca pelo produto que deseja e realizar sua compra normalmente.


Compartilhe o artigo com seus amigos!
Compartilhe o artigo com seus amigos!